It’s A Bird, It’s A Plane, It’s IBM Power6

A IBM lançou oficialmente o seu novo processador Power6, com velocidade até 4.7GHz e “dá calças” a qualquer dos seus concorrentes. Os benchmarks ( 1 | 2 | 3 ) já efectuados demonstram bem o potencial desdes novos processadores.

O novo p570 poderá levar até 16 processadores de 4.7GHz, 768 GB RAM, até 32 I/O drawers e 24 discos SAS internos, que permitem um máximo d 7.2 TB de storage interno.

Blog como fonte exclusiva de rendimento?

Depois de uma conversa à uns tempos com o Rui Augusto (ex-colega meu e autor de vários blogs e sites) e de ler o seu artigo ‘Blogger a tempo inteiro‘ comecei a interrogar-me se em Portugal existiria mercado para que alguém consiga viver exclusivamente da publicidade dos seus websites.

Nos States é sabido que existem diversos milionários que tem como única fonte de rendimento os seus sites/blogs, mas por cá a realidade é bem diferente porque o nosso mercado é muito menor (pelo menos se escrevermos em Português). Para terem uma ideia de valores que poderão estar em jogo para o comum tuga, deixo aqui um excerto do artigo do Rui: …”posso dizer que com o Reviewme.com em Abril ganhei $105 e com o TLA $329“. Ora isso perfaz quase 450€ num mês e sei que ele deverá estar a fazer pelo menos o dobro desse valor com a soma das restantes “revenues” dos sites (Adsense, Aviva, Axandra, etc.) o que IMO já é um valor bastante interessante. Claro que valores destes são fruto de longos e longos meses de trabalho (o tuning.online.pt tem mais de 7 anos), muitas horas de dedicação e de uma boa PageRank.

E vocês que acham? Haverá já alguém em Portugal a ter como única fonte de rendimento um ou mais blogs pessoais ou de nicho de mercado?

PS- Quem for agora ao blog encontrará um banner da Google do lado direito. Não se assustem! Trata-se de uns testes que ando a fazer e o mais provável é que o blog volte ao estado “sem publicidade incluída” num futuro próximo. Talvez lá para 2023 fizesse os meus primeiros $100 de publicidade pela AdSense.

Bye Bye La Fonera

Desde hoje a ‘La Fonera’ deixou de ser o meu AP principal de acesso à Net. As razões para abdicar dele ao fim de cerca de 6 meses de experiência foram a falta de suporte de ligações VPN e a sensação de alguma perda de performance relativamente ao anterior Access Point que usava antes.

Provavelmente irei activar-lo novamente mas agora só com o SSID público para quem quiser aceder à Net.

 

BTW, tenho para oferecer 5 invitesFonero gets Fonero”, ficando a ‘La Fonera’ por 20 €, já com portes incluídos. Deixem 1 comentário caso estejam interessados.